2015-12-31

Top 5 of 2015 |Reflections|

Scroll down for english. 


Hoje dou por encerrada esta minha mini série de publicações com os meus top 5 nas diversas categorias, onde alguns deles se repetiram. O tema hoje, são as minhas reflexões sobre este ano que termina e o que está para começar. Hoje, a ordem escolhida para apresentar cada uma delas está invertida, comparando com as anteriores listas. 

Today I get to close my mini post series on my top 5 on different categories, where some doubled. The theme for today is my reflexions about the year that ends and the one that begins. Today, the sequence is reversed comparing to the previous lists. 



#1 - Prioridades
Chego ao fim deste ano com a sensação que por vezes troquei as minhas prioridades e mais tarde me arrependi, ou pelo menos lamentei. Por isso, para este ano gostava de conseguir ponderar melhor as minhas próprias escolhas e para isso preciso de ser menos impulsiva. E sim, falo sobre costura aqui e não no geral (se bem que também se aplicaria). Querem um exemplo?! Abrandar! Abrandar nos testes e patterns tour. Por vezes é difícil, actuam como um vicio para mim, mas tem de ser, e é com orgulho que consegui resistir a tantos e tantos depois do meio deste mesmo ano. Dizer não para mim, não resulta fácil, mas melhorei já neste ano e espero fazer melhor ainda no que está prestes a entrar. 

#1 - Priorities
I reach the end of this year with the feeling that often, I have switched my own priorities and later regret it, or at least lamented them. That's why I'd like to be able to weight my choices in a better way for this year, and be less impulsive. And yes, this goes for sewing and not general stuff (even thought it could apply too). Do you want an example? Slow down! Slow down in tests and tours. Sometimes it isn't easy, they are like an addiction for me, but it must be, and I am proud to say I have been able to resist so and so many after half past the last year. Saying no, isn't easy for me, but I got better this year and I hope I'll get even better in the one that's about to start. 


#2 - Comprar menos
Não sou pessoa de gastar muito em materiais para costura. Compro certamente mais  do que preciso, mas não acho que seja em disparate, sou até bastante ponderada por diversos aspetos, mas acima de tudo, por um estilo de vida que se vai enraizando em mim. Sinto que neste ano que acaba, fiz demasiadas compras de tecido, e mais para o fim, abandonei a minha pilha de roupas para reciclar, o que criou mais "entulho"cá por casa, quando um dos meus objetivos é precisamente o oposto. 

#2 - Buy less
I am not one to spend much in sewing supplies. I surely buy more than I need, but I don't think I buy far too much, I am actually weighted for different reasons, but above all, for my lifestyle, more and more rooted on me as time goes. I feel that, I bought a lot of fabric this year, and closer to the end, I've abandoned my refashion clothes pile, which stashed my house more, when my goal is the opposite. 


#3 - Costurar com amor
Também nas últimas semanas/meses, dei comigo a costurar coisas que não fazia há demasiado tempo: malas, bonecos de pano, brinquedos, roupas para bonecos... E isso deixou-me nostálgica e com uma certa vontade de colocar as roupas (minhas e deles) de parte por algum tempo, dedicar-me a estas pequenas coisas que deixam a minha filha ainda mais feliz. Fez-me pensar naquilo que mais faço e se valerá a pena. Os miúdos, felizmente não têm falta de roupa, para além da que lhes faço,  ou esporadicamente compro, têm-nos dado e  oferecido muita e costurar por costurar parece-me mais uma vez, um desperdício, e uma vez que o que quero é simplificar e poupar, não só economicamente mas também em tempo, para que o possa passar com os meus filhos, começa a perder o sentido fazer tanta coisa por eles. E para quê? Para poder mostrar aqui e ali, só porque quase todos os outros o fazem? Não, cheguei à conclusão que não quero isso. 

#3 - Sew with love
In the latest weeks/months, I have also found myself sewing things I didn't do for such a long time: bags, fabric dolls, toys, doll's clothes... And that made me feel nostalgic and wanting to put sewing clothes (mine and the kids) aside for a while, and dedicate myself to those smaller things that make my daughter so happy. It made me rethink what I make the most and if it is worth it. The kids, are fortunate enough to get a lot of hand me downs and new clothes as gifts from family and friends, and sewing for the sake of sewing seems to me, again, a big waste, and since what I want is to save and simplify, not only economically but also in time matters, so I can spend it with my kids instead, sewing stuff they already have makes less sense to me now. And why do I do it? So I can show off here and there, because everyone else is doing it too? No, I get to conclude that I don't want that for us. 


#4 - Não planear
Não quero com isto dizer que não terei planos/desejos para 2016, mas certamente serei mais contida nas minhas, vá resoluções, chamemos-lhe assim. Quando olho para os meus objetivos do ano passado sinto-me frustrada... queria ter feito da minha costura um emprego, queria ter costurado mais para mim, ter costurado para o V., para a casa e tudo ficou muito aquém das minhas expetativas. Por isso, para o próximo ano, quero apenas concretizar alguns dos desejos que se vêm arrastando de há muito para cá. 

#4 - No planning
I don't want to say I won't have any plans/wishes for 2016, but most certainly I will contain more on my, let's say, resolutions. When I look back at my goals from last year, I feel frustrated... I wanted to make a business outof my sewing, I wanted to sew more for me, for V., for our house and all this was way behind my expectations. So, next year, I just want to make true some wishes that have been dragged from previous years already. 


#5 - Estar mais presente
Por vezes sinto que tenho um pouco abandonados àqueles que sempre estiveram por cá, por perder tempo a mais em grupos no facebook, ou a ler posts de pessoas que só vivem para as estatísticas, cujos blogues cresceram tanto ou tão pouco que já não comentam os blogues dos outros. Há dias em que sinto que sou como elas e fico triste, por isso, gostava de mudar isso. Afinal, este blogue existe pela partilha e pela comunicação, por aquilo que mais se gosta.

#5 - Be here
Sometimes I feel that I have the ones that have always been here, a bit abandoned, by wasting too much time on Facebook groups, or reading posts  from people that live for statistics, whose blogs grew so much or so little that they don't care to comment other people's anymore. Ther are days that I feel like being one of them and that makes me sad, that's why, I'd like to change it. After all, the sharing, the comunication and what we like best, is the reason for this blog to exist. 


Conto nas fotos acima, 37 peças transfromadas e 43 peças com tecido comprado/da minha coleção. No próximo ano tenho que ter esta lista ao contrário. Tenho mesmo que voltar a usar mais da minha pilha de roupa por alterar. E agora, lembro-me das coisas que fiz e que não chegaram ao blog, algumas ainda virão, outras penso que já não.

I count 37 refashioned pieces & 43 pieces using fabric I bought/from my stash from all photos above. I have to have this list switched next year. I really have to use more from the refashion pile again. And now I keep thinking of things that didn't make it to the blog, some will make it anytime, other I don't think they will.  

8 comments:

  1. Adorei ler este post Magda, muito sincero e sobretudo bastante promissor ! Tenho feito muito pouco para vestir, pelo menos para os pequenos, tenho achado tão mais graça a fazer bonecos e assim. PAra o G estou a fazer um casaco porque para além de um que a minha mãe lhe fez que ele não gosta muito por ser de fecho e gola alta, não tem mais nenhum em lã e da verdadeira. Para o André nem me atrevo a muito de roupa, ele herda tanta coisa do irmão, o máximo que lhe fizer será um casaco também a puxar para os 2 anos (quem sabe o mesmo modelo já que os tamanhos vão dos 2 aos 10 anos) já que em lã os casacos que fiz anteriormente para o G ficaram meio feios, sobretudo os de lã acrilica (2), um de lã mista (natural e sintetica) já não serve ao G então ficará para o A. Não sou de investir muito em roupa, invisto muito pouco. Nem para mantas e coisas assim. Acho que 2016 será um ano muito diferente deste que está quase a fechar. Queria investir um pouco mais em mim nalgumas peças para o S, um casaco e umas meias. Para mim meias e talvez um casaco ou camisola, talvez uma boina, já que apenas tenho uma em crochet. Quero brincar mais com as lãs e é isso que me diverte mais, ah e quero fazer mais bonecos ;o) E neste teu post fiz um resumo do que quero fazer em 2016 ;o) Beijinhos

    ReplyDelete
  2. Adorei o post Magda! Eu, de forma inconsciente, ausentei-me um pouco do blog para refletir sobre o que faço (e partilho) e para que faço. E muitas das tuas conclusões/reflexões são as mesmas as das minhas - costurar com amor, o que gostamos, sem pressões (adoro os testers, mas eu ano já participei em bem menos e acredita que não me arrependi nem um pouco) e que dê sentido a esta paixão comum. Bom Ano para ti e a tua família :)

    ReplyDelete
    Replies
    1. Obrigado Ana Sofia.
      Eu só voltei a estar mais presente agora no fim do ano, porque ali depois do meio também andei um bocadinho distante do blog, não muito, mas mais que o normal... não cheguei a grandes conclusões e quando voltei fiz mais do mesmo. E a verdade é que não me senti nada preenchida com isso, por isso, e porque acho que podemos sempre voltar atrás, repensei as minhas prioridades e estavam desencaixadas. Espero que a euforia do fim/inicio de ano não seja breve e que eu não me deixe levar novamente. Eu testes fiz bem poucos ultimamente, fiz mais tours que testes... e gosto mais assim, o stress é menor. Um beijinho grande e bom ano para vós tb.

      Delete
  3. I can so relate to #4 - Sew with Love. What I sew changes over time, both depending on my mood, but also who I sew for. As kids get older, their needs change and I find the little people in my life are more specific about what they want to wear. It's not worth me making many clothes for them if they no longer want to wear a lot of them. Ha, ha.. I'll just have to sew for me instead. Happy New Year, Magda.

    ReplyDelete
  4. Lovely goals ;) Love your skills making design out of nearly without any costs, you are just soooo inspiring.

    ReplyDelete
    Replies
    1. Thank you. I'm so glad I can inspire you!!! I am planning to spend less this year again. =D

      Delete
  5. Gosto muito desta tua série do melhor e pior do ano e gosto, ainda mais das tuas decisões para 2016. Amor com fartura, coser por prazer e mais do que nos faz feliz. Já te o disse muitas vezes mas repito, tens um lugar especial no meu coração e para ti terei sempre tempo, para te ler, para aprender e partilhar contigo. Um beijinho especial querida Magda <3

    ReplyDelete
    Replies
    1. Este ano não entrei com grandes expetativas, mas muitos desejos, isso sim... e só espero que o amor como dizes, seja com fartura, pois ajuda a ultrapassar tudo o resto. Um beijinho enorme para ti tb. <3 e obrigado

      Delete

Leave a comment, I'd love to read it.
Leave your URL too, so I can visit you.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

stay connected

Subscribe by Email